Ditadura civil-militar no Brasil - o que a psicanálise tem a dizer | Livraria Pulsional
Ditadura civil-militar no Brasil - o que a psicanálise tem a dizer

Ditadura civil-militar no Brasil - o que a psicanálise tem a dizer

Ref.: 9788571373884 Compra Segura

Os autores dos trabalhos aqui publicados, convocados com a finalidade de contribuir para a compreensão do que ainda nos é tão contemporâneo e doloroso , desenvolvem suas intervenções seguindo vários eixos temáticos- verdade e farsa, memória e esquecimento, lei e estado de exceção, punição e impunidade. Procurando aprofundar o diálogo entre psicanálise e política, exploram as ligações possíveis entre o mito freudiano de uma proto-história de dominação e crueldade, que se repete nos períodos de opressão, e os importantes trabalhos sobre o estado de exceção, constituindo-se em paradigma do estado moderno. Desamparo, crueldade e onipotência despótica permitem situar a prevalência do traumático a partir da dessubjetivação produzida pelo terror de Estado. Mas eles explicam também por que, diante da imposição do silêncio, do encobrimento, do desmentido e do esquecimento, diante da claudicação do sentido induzida pelo poder civil-militar, torna-se possível contrapor a potência do acolhimento e da escuta sensível. Propõem, assim, a restituição da função simbólica da palavra, o trabalho da memória e a sustentação de um desafio- dizer o indizível, testemunhar, criar narrativas possíveis para vivências impossíveis de transmitir.

Autores: Arantes, Maria Auxiliadora de Almeida Cunha (Organizador), Ferraz, Flávio Carvalho (Organizador)

R$ 50,00

Escolha uma opção

Produto indisponível
ISBN: 9788571373884
Autores: Arantes, Maria Auxiliadora de Almeida Cunha (Organizador), Ferraz, Flávio Carvalho (Organizador)
Páginas: 164
Dimensões: 14 x 21 x 1cm
Ano: 2016
Categoria: psicanálise e política, Brasil, história-1964-1985, Política, Ditadura Militar
Classificação Fiscal: 49019900
CDD: 150,195
BISAC: PSY000000
Editora: Escuta

Arantes, Maria Auxiliadora de Almeida Cunha

Aproveite Também